Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

05/07/2017

# Eu li, e você? # 106

Título: A Voz Dourada das Cidades
Autor: Aguinaldo Tadeu
Número de páginas: 32
Ano: 2017
Editora: Giostri

* Exemplar cedido em parceria com a Oasys Cultural

Um menino apaixonado por livros de heróis, guerreiros, reis e rainhas mergulha em uma fantástica aventura no mundo dos sonhos e acorda no lugar onde se passa a história de seu livro: uma bela cidade de obras de arte, de ruas estreitas e de calçada de pedra, de cavalos e pessoas nas ruas, sem o tumulto e barulho dos grandes centros urbanos. Ali, em São João Del Rei, Minas Gerais, o menino começa a ouvir um som que até então lhe era desconhecido...

Nesse momento, surge um homem com cabelos longos e brancos, trajado de preto e que parece pertencer a outro tempo, outra realidade. Se apresenta ao menino sonhador como pároco local e o leva até o lugar de onde vem aquele som: blém... blém... blém...

O menino não sabia o que era um sino. Nunca tinha visto e nem ouvido o som de um. O padre, então, lhe explica a tradição que envolve os sinos das igrejas:
Os sinos convidam para as Missas e para as Novenas. Eles avisam das mortes e comunicam os batizados. Os sinos lembram as festas dos santos, a Quaresma e a Semana Santa. Eles comunicam nascimentos e anunciam a Ave Maria. Os sinos avisam dos mais importantes acontecimentos de uma comunidade.
E nunca se esqueça, meu filho: quando os sinos tocam, Deus, que está no céu, ouve as nossas preces com mais atenção.
Em seguida, o menino é levado para conhecer o interior da Matriz de Nossa Senhora do Pilar e o padre lhe explica mais sobre a cultura, a arte e a história do lugar, ressaltando a importância de se cultivar os patrimônios históricos e reforçando a ideia de manter-se atento às sutilezas ao seu redor.

O livro possui poucas páginas, mas é possível captar a essência que o autor deseja transmitir: as crianças de hoje, principalmente as de cidade grande, estão mais habituadas ao barulho de um trânsito tumultuado, à televisão, à internet e ao mundo moderno que as cerca, e não dão a devida importância àquilo que é simples e de graça; aos sons e às belezas do mundo. Outro aspecto que me chamou a atenção, foi a conscientização a respeito da preservação dos patrimônios históricos e, também, ao fato de o menino ser um leitor assíduo e preferir o mundo da imaginação, onde ele poderia ser o personagem que quisesse, quando e como quisesse. O perfil do garoto se assemelha muito com o meu quando eu tinha mais ou menos essa idade, por isso me identifiquei tanto com ele. Hoje, infelizmente, o número de crianças leitoras vêm diminuindo, os livros e a imaginação têm sido postos de lado, para dar prioridade aos tablets, smartphones e computadores, os quais mantêm as crianças alienadas diante de uma tela, sem perceber que o mais belo que a vida tem a oferecer está ao seu redor, nas pequenas coisas. É por essas e outras razões que amo a literatura infanto-juvenil e a indico para todas as idades.


CLASSIFICAÇÃO:

ÓTIMO!


20 comentários :

  1. Parece ser um livro infantil encantador. Amei como a temática é trabalhada.
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  2. Olá! Tudo bom?
    Esse não é o primeiro livro infantil que você escreve, eu acho ótimo, pois também gosto muito desse gênero literário. Esse livro especifico, como todos que você nos mostra, parece excelente, linda a capa.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada.
      Fico feliz que acompanhe o blog e que goste de minhas dicas de infanto juvenis.

      Beijo

      Excluir
  3. Olá,

    Parece cativante, amo livros que trazem esses personagens que gostam de ler. A edição também é maravilhosa. Adorei!

    Beijinhos,
    Livros que Li

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Amanda!
      Também sou apaixonada por infantojuvenil.
      Beijo

      Excluir
  4. Oi Mi,
    Gosto das suas dicas infantis porque eu trabalho em uma escola.... Depto financeiro, mas ok. Eu consigo dar as dicas para professoras!
    Adorei!
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Ale!
      Eu fico feliz que você sempre me acompanhe aqui no blog.

      Beijo

      Excluir
  5. Olá,
    Desconhecia a obra, mas fiquei bem interessada em fazer a leitura.
    Amei a mensagem que o autor quis passar com a obra e tenho que concordar que as crianças de hoje se importam mais com tecnologia do que qualquer outra coisa. Estão habituadas com o barulho e a agitação, principalmente quem é de cidades metropolitanas. E me arrisco dizendo que não são só as crianças não! Adultos também se acostumaram à uma rotina frenética que simplesmente esquecem de dar valor ao simples.

    LEITURA DESCONTROLADA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, Michele! Exatamente isso que acontece!
      E por esse motivo sou tão fã de livros escritos para crianças e para nós também hehe
      Beijo

      Excluir
  6. Oi!!
    Eu gosto bastante de livros infantos juvenis também, super indico.
    E acho muito importante incentivarmos nossas crianças a ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza! Além da importância do ato de ler, esses livros trazem muitos ensinamentos não apenas às crianças mas a nós também.

      Beijos

      Excluir
  7. Ótima dica para leitura infantil.
    Fiquei com vontade de dara para meu pequeno ler!!
    Muito obrigado pela dica!!

    Beijinhos!!

    #Ana Souza
    https://literakaos.wordpress.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Imagina! Eu que agradeço a visita!
      Fico feliz que tenha se interessado.

      Beijo

      Excluir
  8. Oi Milena.

    sua resenha mostrou que o livro é ótimo. Deu vontade de ler, mesmo sendo infantojuvenil e não ser o publico alvo para ele. Dica anotada, quem sabe eu encontre a oportunidade de lê-lo.

    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Kênia!
      Que bom que gostou da minha dica de leitura. Depois me conta o que achou.
      Beijo

      Excluir
  9. Olá!
    Adoro ler livros infantis para as pessoas que amo. Tenho feito isso com minha mãe e já fazia com minha sobrinha. Esse livro parece muito especial, principalmente por incentivar a leitura através de um personagem que gosta de ler. Vou anotar a dica para uma próxima leitura.
    Abs
    Nizete
    Cia do Leitor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nizete!
      Saber disso me deixa feliz! Espero que vocês se encantem pela história, assim como eu.
      Beijo

      Excluir