Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

25/04/2017

# Eu li, e você? # 97

Título: E desaparecemos um no outro
Autor: Ivan Jaf
Número de páginas: 168
Editora: Panda Books (Cortesia)
Ano: 2016

Aline é uma garota linda na faixa de 17 anos que começou a namorar com o garoto mais bonito e popular da escola, Renato. Tudo ia muito bem entre eles, até o momento em que ele quis forçar a primeira transa. Assustada, Aline se negou a ir adiante, e como vingança, o cafajeste resolveu espalhar para toda a escola que tinha tirado a virgindade dela.

Envergonhada e totalmente decepcionada, quando soube dos boatos, Aline lhe deu um tapa na cara na frente de todos (mais que merecido, grande idiota esse Renato!). Com o orgulho ferido, o rapaz resolve partir pra cima dela, mas é impedido por João, um garoto nerd, solitário e inseguro, mas que sempre nutriu grandes sentimentos pela jovem Aline. O que ninguém imaginava era que aquela discussão acabaria envolvendo a sala toda, causando um grande caos, brigas, socos, chutes e ponta-pés de todos os lados! Assim que foi informado do ocorrido, o diretor da escola suspendeu a classe toda, uma vez que ninguém delatou quem começou com a confusão. Turma muito unida e solidária à nossa querida protagonista, hein?! Gostei da atitude deles.


Como forma de agradecer por tê-la defendido, Aline convida João para uma festa infantil no prédio onde mora, e assim vão se conhecendo melhor, trocando confidências e percebendo que têm muito em comum, até que acontece o primeiro beijo!

E desaparecemos um no outro é uma romance juvenil protagonizado por Aline e João, que mostra como uma simples amizade pode se tornar algo tão belo! Mesmo em meio a tantas dúvidas adolescentes, eles descobrirão o amor na sua forma mais plena. 

Narrado sob a perspectiva de ambos os personagens, o livro nos convida a conhecer uma história leve, divertida, fofa e muito romântica. Acredito que qualquer um irá se identificar com os personagens e, principalmente, com essa fase de dúvidas e tomadas de decisões tão marcante em nossa vida. 

"Como eu posso estar tão feliz depois de tudo o que passei nos últimos dias? Então a vida é assim? Um dia o mundo é uma grande bosta fedida e eu sou uma mosca-varejeira e no dia seguinte é um jardim florido e eu sou uma borboleta colorida? Nenhuma tristeza é para sempre? Que ótimo! Bom saber."


O autor soube muito bem explorar os diversos aspectos que compreendem o tema do livro, inclusive toda a questão da conscientização que envolve esse período tão conturbado da adolescência.

Resumindo, o livro é encantador! O final, então, é puro amor! Recomendo!

"Não precisamos de nada. Basta ficar abraçados, jogando conversa fora, ou calados, só sentindo a delícia da presença do outro, e isso já é bom demais."

CLASSIFICAÇÃO:


MUITO BOM!




14 comentários :

  1. Oi, Milena!
    Adorei a sua resenha, deu muita vontade de ler o livro. É sempre bom se deparar com uma leitura mais leve, né? Preciso procurar mais livros assim! Valeu pela indicação, foi ótima.
    beijos

    ResponderExcluir
  2. Ah, Milena.
    Tô precisando de uma leitura exatamente assim, leve, romântica e sem muitas pretensões.
    A capa do livro é linda, a editora fez um ótimo trabalho. Se eu tiver a oportunidade com certeza irei ler o livro!

    ResponderExcluir
  3. Oi
    Sua resenha é linda e o livro me parece ser bem leve e perfeito para adolescentes. Não é meu estilo, mas já está anotado como dica de presente. Gosto de estimular a leitura , sabe!
    Bjus

    ResponderExcluir
  4. Oi,
    Gostei muito da sua resenha sobre o livro E desaparecemos um no outro. Pela sua resenha o livro parece ser bem leve e de fácil entendimento. Fiquei com muita vontade de ler o livro e saber mais sobre esse amor jovem.
    Abrçs

    ResponderExcluir
  5. Oie,
    Que título lindo, quanto a capa não curti não.
    Quanto a história, achei bem interessante, parece se tratar de uma história com um assunto muito peculiar.
    Adoro essas histórias infanto-juvenis, são sempre bem gostosinhos de ler, dica anotada!

    Beijoka!

    ResponderExcluir
  6. Oiee
    Nossa... achei bem fofinho. Não sei se tive a impressão errada. Gostei do "gancho" q o autor deu para os protagonistas se conhecerem.
    Histórias clichés não me incomodam, pelo contrário, até gosto. E acho q vou gostar dessa história também.
    Dica anotada.
    Bjo

    ResponderExcluir
  7. Oi,
    O enredo me pareceu bem clichê, peguei um livro com romance adolescente e a leitura não me prendeu depois desse desisti.
    Hoje deixo sua dica passar!

    ResponderExcluir
  8. Oi.

    Não conhecia esse livro, mas de cara já gostei da capa.
    Porém por ser, ou aparentar ser, uma história mais clichê teen, acho que não é a leitura que busco nesse momento.
    Nada contra o estilo de história, só não é o momento certo para eu lê-lo, então vou colocá-lo ali na lista de futuras leituras.

    ResponderExcluir
  9. Oie! Tudo bem?

    Não conhecia o livro, mas amei demais a proposta dele e a capa! Que por sinal é belíssima! Vou com certeza procurar ele para realizar a leitura, parece ser o tipo de leitura/história que amo acompanhar!

    Bjss

    ResponderExcluir
  10. Oi, Mi!
    Amei a sua resenha, amei a capa, amei a trama, mas já odiei o Renato. Aliás, espero que algo tenha sido feito em relação ao boato que eles espalhou.
    Resumindo, certo que vou ler esse livro <3

    ResponderExcluir
  11. Oi, Milena!
    Pelo que percebi a história é bem adolescente e aborda questões bem típicas dessa fase da vida. Eu gosto de livros nesse estilo e achei a premissa bem interessante. Anotei a dica!

    Beijos,

    Rafa [ blog - Fascinada por Histórias]

    ResponderExcluir
  12. Mi, estou bem feliz.
    Já li algo do autor na época de escola, para um trabalho, que gostei bastante. Era pra já ter pesquisado algo sobre ele mas caiu no esquecimento e você trouxe algo que eu queria. Sua resenha está incrível e já vou procurar para a leitura. Grande abraço!

    ResponderExcluir
  13. Oi Milena,
    Que bonitinha a história desse livro. Esses romances são bem gostosinhos de ler. Adorei a recomendação.
    beijos

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Adoro ler livros juvenis, reviver esses tempos de adolescência é sempre bom. Fiquei encantada com a sua resenha e é um livro que com certeza quero ler. Quero muito saber como a história dos personagens vão se desenrolar.
    Adorei a sua resenha.
    Beijinhos!

    ResponderExcluir